ANUNCIE NA ABA PAI

PROPOSTA COMERCIAL

A Rádio Aba Pai é uma Web rádio totalmente digital 24H no ar, levando música e diversão aos seus ouvintes, oferecendo excelentes ferramentas para a divulgação de qualquer produto ou serviço da sua empresa.

Divulgue sua promoção, nos espaços publicitários de nossa Rádio Web. Temos várias opções de anúncios, um certo para você.

Aos parceiros e anunciantes são disponibilizados, um kit de mídia composto por banners em vários formatos para exposição em nosso site, além de spots comerciais, que são veiculados em nossa programação diária.

PORQUE ANUNCIAR NA RÁDIO WEB ABA PAI?

A resposta é simples e direta: grandes empresas estão descobrindo que anunciar na Internet está se tornando uma forma de divulgar suas marcas atingindo diretamente um público diversificado e em grande quantidade ao redor do mundo.

QUEM OUVE A RÁDIO NA INTERNET?

Pessoas que se conectam diariamente em sua casa, nas escolas e nos escritórios. Recente pesquisa realizada comprova que a maioria dos internautas sejam eles do Brasil ou que vivem fora se utilizam da Internet para trabalhar e ouvir rádio, essa nova mania entre os internautas vem despertando interesses em grandes companhias que estão apostando nesse público, uma vez que ao anunciar em uma emissora de TV por assinatura, Jornal, Outdoor ou Rádio convencional você fica limitado para divulgar sua marca, mas pela Internet é diferente. O seu produto ou serviço é divulgado para uma massa que diretamente está acessando a Internet.

QUAL MEU ESPAÇO DE PUBLICIDADE?

Seu espaço em nossa empresa é garantido de várias formas:
Através de banners link que além de exibir sua propaganda em nosso site ainda redireciona para o seu site de origem.
Através de publicidade sonora em nossa Web Rádio: são gravações de propagandas com duração de 30 segundos, assim como ocorre nas emissoras de rádios convencionais.

QUANTO TENHO QUE INVESTIR PARA ANUNCIAR?

Para se anunciar em uma rádio convencional ou em uma emissora de TV por assinatura e até mesmo em um jornal de baixa circulação, o cliente tem que desembolsar uma quantia alta por mês, porem não é nosso objetivo de explorar e sim de divulgar produtos brasileiros na Internet, por isso nossa tabela é baixa seu investimento é mínimo, mas com sua marca divulgada a milhares de pessoas diariamente. Veja a seguir os valores:

SPOT COMERCIAL DE 30seg"

Os spots comerciais são veiculados de segunda à segunda das em horários indeterminados, porém serão distribuídos da melhor forma possível dentro da grade de programação da emissora.
Os contratos serão firmados pelo prazo mínimo de 3 meses.
Não cobramos pelo custo da gravação do spot
TABELA DE PREÇOS EM R$

Inserção/Dia Valor Mensal R$
48x 150,00
Ou Seja A cada Meia hora

Banner no Site
Só 50,00R$ / Mês
Banner e Divulgação em Áudio
200,00/mês

Consulte outros planos de spot comercial de até 60 segundos
Aluguel de horário em nossa programação.

O cliente que desejar ter seu próprio programa poderá comprar um horário em nossa programação e veicular seus próprios comerciais e anúncios ou divulgar seu negócio com informações referentes ao empreendimento durante o horário contratado.
Solicite mais informações marcelinhosalvador@hotmail.com
ou Pelo Whatsap (027)99747-5268

Propaganda avulsa:
(Investimento único): R$ 15,00 por anúncio em nossa programação Ao vivo

Gravação de Spots avulsos de 30seg" para divulgação de seu produto apenas R$ 40,00

O Spot pode ser preparado pelo próprio cliente

Uma forma econômica de anunciar e divulgar seu empreendimento é aqui:
Site: www.webradioabapai.com


Lição 8 - O Lugar Santíssimo

Lições Bíblicas do 2° trimestre de 2019 - CPAD | Classe: Adultos | Data da Aula: 26 de Maio 2019.
TEXTO ÁUREO
“Mas, depois do segundo véu, estava o tabernáculo que se chama o Santo dos Santos." (Hb 9.3)
Verdade Prática
Pelo sangue de Jesus Cristo, o véu da separação foi rasgado. E, hoje, temos liberdade e confiança para entrar ao trono da graça de Deus.

LEITURA DIÁRIA
Segunda - Êx 26.31-37: Descrevendo o lugar Santíssimo
Terça - Hb 9.6,7: O serviço dos sacerdotes
Quarta - Lv 16.2: O aviso de Deus para o sacerdote
Quinta - Hb 9.24-28: Jesus, o Sumo Sacerdote Eterno
Sexta - Mc 15.37,38: O caminho foi aberto para o Santíssimo
Sábado - Mt 27.51: O caminho foi aberto para a comunhão com Deus
LEITURA BÍBLICA EM CLASSE
Êxodo 26.31-35; Hebreus 9.1-5; Mateus 27.51
Êxodo 26.31-34:
31 - Depois, farás um véu de pano azul, e púrpura, e carmesim, e linho fino torcido; com querubins de obra prima se fará.
32 - E o porás sobre quatro colunas de madeira de cetim cobertas de ouro, sobre quatro bases de prata; seus colchetes serão de ouro.
33 - Pendurarás o véu debaixo dos colchetes e meterás a arca do Testemunho ali dentro do véu; e este véu vos fará separação entre o santuário e o lugar santíssimo.
34 - E porás a coberta do propiciatório sobre a arca do Testemunho no lugar santíssimo,
35 - e a mesa porás fora do véu, e o castiçal, defronte da mesa, ao lado do tabernáculo, para o sul; e a mesa porás à banda do norte.

Hebreus 9.1-5:
1- Ora, também o primeiro tinha ordenanças de culto divino e um santuário terrestre.
2 - Porque um tabernáculo estava preparado, o primeiro, em que havia o candeeiro, e a mesa, e os pães da proposição; ao que se chama o Santuário.

3 - Mas, depois do segundo véu, estava o tabernáculo que se chama o Santo dos Santos,
4 - que tinha o incensário de ouro e a arca do concerto, coberta de ouro toda em redor, em que estava um vaso de ouro, que continha o maná, e a vara de Arão, que tinha florescido, e as tábuas do concerto;
5 - e sobre a arca, os querubins da glória, que faziam sombra no propiciatório; das quais coisas não falaremos agora particularmente.

Mateus 27.51:
51 - E eis que o véu do templo se rasgou em dois, de alto a baixo; e tremeu a terra, e fenderam-se as pedras.

HINOS SUGERIDOS: 202, 545, 592 da Harpa Cristã

OBJETIVO GERAL
Explicitar que temos a liberdade de entrar no "Lugar Santíssimo”.


OBJETIVOS ESPECÍFICOS
Destacar o véu do Lugar Santíssimo;
Mostrar o propósito do véu interior;
Salientar como era o Lugar Santíssimo.

INTERAGINDO COM O PROFESSOR
Apresentar uma vida de serviço e adoração a Deus no Lugar Santo era o dever do sacerdote. Foi o que vimos na lição passada. Entretanto, o sumo sacerdote tinha uma função especial e importantíssima: a de apresentar o sacrifício por si mesmo e por toda nação. Na lição desta semana, enfatizaremos a importância do Lugar Santíssimo e seu papel pedagógico e espiritual na vida da nação de Israel. Esse lugar representava o local onde Deus respondia ao seu povo. Hoje, não temos mais o véu que nos separa da presença de Deus nem precisamos de um sumo sacerdote para apresentar sacrifícios pelos nossos pecados. O nosso Senhor e Salvador Jesus já fez tudo isso por nós. Ele é o Sumo Sacerdote perfeito.

PONTO CENTRAL
O véu da separação foi rasgado e, hoje, temos liberdade e comunhão com Deus.
INTRODUÇÃO
O Lugar Santíssimo era o local mais reservado do Tabernáculo. Ele representava a plenitude da presença de Deus que habitava entre o povo de Israel. Por isso, nesta lição, estudaremos a posição do véu no Lugar Santíssimo, o propósito desse véu e a dimensão do Lugar Santíssimo, bem como a sua relação com a obra expiatória de nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo. De fato, é uma lição que edificará a nossa vida.

I - O VÉU DO LUGAR SANTÍSSIMO
1. O véu como barreira ao livre acesso à Presença de Deus.
O véu era uma cortina feita de linho fino branco entretecido com fios de cores azul, púrpura e carmesim. O propósito desse véu era separar o Lugar Santíssimo, no qual estava a Arca da Aliança (Êx 26.33), do Lugar Santo. No Lugar Santíssimo só podia entrar o Sumo Sacerdote, e somente uma vez ao ano, no dia da Expiação. O israelita comum não podia entrar nesse lugar, o que demonstra que o véu era uma barreira para o homem comum.

A narrativa bíblica revela o significado especial do ato, de quando Jesus estava na cruz, expiando o nosso pecado. Ele ministrou intercessoriamente por nós por meio de seu sangue no “Lugar Santíssimo”, rasgando o véu da separação. A ministração de Cristo foi em favor de todo o mundo e não apenas por uma parcela especial ou étnica da humanidade (Hb 9.11-14 cf. Jo 3.16).

2. O véu tinha um bordado especial com a figura de querubins (Êx 26.31).
Deus ordenara que se bordassem no véu, à mão, as figuras de querubins. Uma pergunta relevante cabe aqui: qual a razão desses querubins serem bordados no véu? A Bíblia registra a história da rebelião de um querubim presunçoso e orgulhoso que desejava ser igual a Deus. Mas ele foi expulso para sempre da presença do Altíssimo (Ez 28.14). O nome desse querubim, hoje, é Satanás, o anjo que rebelou-se contra Deus e, também, levou com ele uma parte dos seres angelicais.

As figuras de querubins bordadas no véu lembram ao homem que o Trono de Deus está cercado desses seres angelicais, refletindo a santidade do Altíssimo. Eles também foram esculpidos sobre o Propiciatório com as asas voltadas para a Arca da Aliança com o objetivo de protegê-la (Êx 25.18).

3. O véu e o trançado de seus fios.
Para nós, o tabernáculo e seus móveis sagrados tipificam o Senhor Jesus. Logo, podemos destacar o seguinte: os tecidos que constituíam o véu que demarcava o Lugar Santo e o Santíssimo é símbolo do caráter santo e pleno de nosso Senhor. Assim, a cor azul aponta para a sua divindade; a púrpura, para a sua realeza; a branca, para sua santidade; o carmesim, para a sua obra expiatória por toda a humanidade. Ainda, o escritor aos Hebreus traz uma imagem forte e viva do véu, juntamente com seus fios trançados, que representava, na “carne” de Cristo, a união da natureza humana e divina de nosso Senhor: “Tendo, pois, irmãos, ousadia para entrar no Santuário, pelo sangue de Jesus, pelo novo e vivo caminho que ele nos consagrou, pelo véu, isto é, pela sua carne” (10.19,20).

SÍNTESE DO TÓPICO I
O véu tinha um bordado especial com a imagem de querubins, era trançado em linho fino e uma barreira ao livre acesso a Deus.

SUBSÍDIO DIDÁTICO-PEDAGÓGICO

Você pode iniciar a aula fazendo a seguinte pergunta: Qual a diferença entre o Lugar Santo e o Lugar Santíssimo? Com essa pergunta, a ideia é  ligar o tema da lição anterior ao tema presente a fim de que a exposição desta lição faça uma diferença clara entre os dois lugares do Tabernáculo.

Para ilustrar a aula, você pode reaproveitar a imagem panorâmica do Tabernáculo que usamos na primeira lição deste trimestre.

II - O PROPÓSITO DO VÉU INTERIOR

1. O véu era um símbolo da presença de Deus no Lugar Santíssimo.
Ora, ninguém podia ver a Deus e continuar vivo (Êx 33.20), mas os homens podiam ver o véu que indicava a presença divina no outro lado. Em Hebreus, o véu tipifica a “carne” de Cristo, que encobria a presença divina em seu corpo (1 Tm 6.16; Jo 1.18; 14.9; Col 1.15,16).

2. O véu: um impeditivo ao acesso à presença de Deus (Lv 16.2; Hb 9.8). A separação que o véu interior fazia dos dois lugares sagrados, o Lugar Santo e Lugar Santíssimo, demarcava também os lugares de atuação dos sacerdotes. No Lugar Santo, era permitida a entrada dos sacerdotes comuns; no Santíssimo, a do sumo sacerdote.

3. O véu indicava o caminho à presença de Deus.
Sabemos que o sumo sacerdote podia entrar no lugar santíssimo, não por méritos pessoais nem pela formosura do véu, senão mediante o sangue da expiação (Lv 16.15). A única função dele era expiar o próprio pecado e o do povo. Por isso, toda a orientação divina quanto à pureza do sumo sacerdote e de sua casa era rigorosa.

Hoje, a obra expiatória de Jesus é o único meio que temos para achegar-nos à presença de Deus (Ef 2.8,9; Hb 10.19,20). Graças ao nosso amado Senhor, já não há mais separação nem muro entre nós e Deus, pois Cristo é o perfeito mediador entre Deus e os homens (1 Tm 2.5).
SÍNTESE DO TÓPICO II
O véu interior tinha o propósito de ser o símbolo da presença de Deus no Lugar Santíssimo, o impeditivo direto à presença divina e a indicação do caminho para Deus.

SUBSÍDIO TEOLÓGICO

A revelação das Escrituras Sagradas mostra para nós que a salvação pela graça, hoje, é uma doutrina clara e límpida, pois "no Novo Testamento, a ‘graça', como o dom imerecido mediante o qual as pessoas são salvas, aparece primariamente nos escritos de Paulo. É um ‘conceito central que expressa mais claramente seu modo de entender o evento da salvação... demonstrando livre graça imerecida. O elemento da liberdade ... é essencial'. Paulo enfatiza a ação de Deus, e não a sua natureza. ‘Ele não fala do Deus gracioso; fala da graça concretizada na cruz de Cristo'. Em Efésios 1.7, Paulo afirma: ‘Em quem temos a redenção pelo seu sangue, a remissão das ofensas, segundo as riquezas da sua graça', pois ‘pela graça sois salvos' (Ef 2.5,8)” (HORTON, M. Horton (Ed.). Teologia Sistemática: Uma Perspectiva Pentecostal. Rio de Janeiro: CPAD, 2018, p.344-45).

Acerca do Véu
Na língua hebraica o vocábulo “véu” é paroketh que advêm de uma raiz que significa “separar”. No Novo Testamento esse mesmo vocábulo é katapetasma, que representa o véu interior, ou seja, a cortina entre o Lugar Santo e o Lugar Santíssimo.

III - COMO ERA O LUGAR SANTÍSSIMO?

1. O Lugar Santíssimo tinha o formato quadrangular.
O Lugar Santíssimo é conhecido também como o "Santo dos Santos”. Um lugar quadrangular, na forma de um cubo, que media dez côvados de altura, dez de largura e dez de comprimento.

É importante destacar, aqui, que as medidas do Lugar Santíssimo, no sistema decimal, possuem números diferenciados, uma vez que pesos, medidas e valores hebraicos são obscuros, e o resultado sempre produz algumas pequenas diferenças numéricas. De acordo com a Bíblia de Estudo Pentecostal, um côvado equivalia à medida de dois palmos ou ao tamanho de nosso antebraço, o equivalente, portanto, a 45 centímetros. Era menor que o Lugar Santo. O Lugar Santíssimo tipificava o Trono de Deus em Israel.

2. O lugar continha apenas um mobiliário.
A Arca da Aliança. A Arca da Aliança tipificava a plenitude da presença de Deus: sua santidade, glória e majestade. Ali, Deus habitava entre o seu povo!

No Novo Testamento, essa imagem revela o que Paulo escreveu aos efésios: "para que Cristo habite, pela fé, no vosso coração; a fim de, estando arraigados e fundados em amor, poderdes perfeitamente compreender, com todos os santos, qual seja a largura, e o comprimento, e a altura, e a profundidade e conhecer o amor de Cristo, que excede todo entendimento, para que sejais cheios de toda a plenitude de Deus” (Ef 3.17-19).

3. O que podemos aprender por Trono de Deus e a importância do Lugar Santo?
O Lugar Santo era a antessala do Lugar Santíssimo; o que mostra o caráter santo da presença de Deus representada na Arca da Aliança, porque o Deus Santo e glorioso ali estava.

Não percamos de vista a dimensão da santidade e da glória de Deus. Sejamos santos e não desprezemos o sacrifício de nosso Senhor Jesus (Hb 10.26,27). Cuidado! A Palavra de Deus nos alerta que o nosso adversário “anda em derredor, bramando como leão, buscando a quem possa tragar” (1 Pe 5.8). Vigiemos! Temamos ao Deus santo e glorioso!

SÍNTESE DO TÓPICO III
O Lugar Santíssimo era um lugar de formato quadrangular em que estava a Arca da Aliança.

SUBSÍDIO VIDA CRISTÃ
“Há um processo de santificação do espírito humano. Pouco importando o que você diga, se o seu espírito não for completamente santificado, você sempre estará em perigo. É aquela situação em que o diabo tem a chance de trabalhar em você.

Portanto, somos ensinados a estar em santificação, na qual os rudimentos, impurezas, os afetos descomedidos e as corrupções acabam por causa da incorrupção permanente. Na santificação, todos os tipos de luxúria perdem seu poder.

Este é o plano. Somente nesta busca ideal é que Deus nos abençoa em nosso estado de purificação para que deixemos nossa posição terrena e subamos com Ele em glória. Os santos de Deus, à medida que avançam em perfeição e santidade, entendendo a mente do Espírito de vida, são levados a um lugar muito abençoado - o lugar de santidade, o lugar de inteira santificação, o lugar onde Deus é entronizado no coração.

A mente santificada está tão concentrada no poder de Deus, que o santo pensa nas coisas que são puras e vive sob predomínio santo, em que ele experimenta diariamente o poder e a liberdade de Deus” (WIGGLESWORTH, Smith. Devocional. Série: Clássicos do Movimento Pentecostal. Rio de Janeiro: CPAD, 2003, pp.134-35).
CONCLUSÃO
Nesta lição, percorremos o Lugar Santíssimo. Ele representa a presença santíssima e gloriosa de Deus no meio do seu povo. Esse lugar, especial e único do Tabernáculo, mostra o que o Senhor Jesus Cristo, o Sumo Sacerdote Perfeito, fez ao rasgar o véu da separação. Diferentemente daqueles dias, onde o Lugar Santo não era aberto a todas as pessoas, hoje, por meio da obra de Cristo, podemos entrar ao trono de Deus com ousadia e confiança.

PARA REFLETIR
• Como era o véu do Lugar Santíssimo?
O véu era uma cortina feita de linho fino branco entretecido com fios de cores azul, púrpura e carmesim.

• O que as figuras dos querubins bordadas no véu lembram? as figuras de querubins bordadas no véu lembram ao homem que o Trono de Deus está cercado desses seres angelicais, refletindo a santidade do Altíssimo.

• Em Hebreus, o que o véu tipifica?
Em Hebreus, o véu tipifica a “carne” de Cristo, que encobria a presença divina em seu corpo.

• Qual o único meio, ou caminho, pelo qual podemos entrar na pre­sença de Deus?
A obra expiatória de Jesus é o único meio que temos para achegar-nos à presença de Deus (Ef 2.8,9; Hb 10.19,20).

• Como devemos nos portar como filhos de Deus? Como filhos de Deus não podemos perder de vista a santidade e a glória de Deus.

Bate Papo

((((PEÇA SUA MUSICA CLICANDO AQUI, QUE ATENDEREMOS))))